Carvão ativado de casca de coco: benefícios, diferenças, como usar e como fazer!
25/01/2022
Máscara de carvão ativado Hinode é boa? Funciona?
08/02/2022

Carvão ativado com óleo de melaleuca

As espinhas são erupções e inflamações.

Estas, por sua vez, têm causas multifatoriais que correspondem, principalmente, ao acumulo de bactérias e células mortas bem como desregulação hormonal e excesso de oleosidade na pele.

Sendo assim, algumas pessoas têm mais predisposição quando o assunto é aparecimento de acnes – outro temo para designar as espinhas -, principalmente durante a adolescência.

Embora não sejam letais, estas inflamações causam – muitos! – desconfortos em quem sofre com elas já que mexe diretamente com a autoimagem e, consequentemente, com a autoestima.

Diante disso, há muita procura por médicos dermatologistas.

No entanto, geralmente, os produtos prescritos e indicados pelos profissionais apresentam um custo elevado e, infelizmente, não é todo mundo que consegue adquiri-los.

A partir disso, há também uma busca por alternativas mais naturais que sejam eficazes da mesma forma.

Um dessas opções é o uso do carvão ativado combinado com determinados óleos essenciais, como o óleo de melaleuca.

Diante disso, hoje, exploraremos mais sobre os ambos produtos e os benefícios de cada um deles. Vamos lá?

Para que serve carvão ativado?

Você já ouviu falar em carvão ativado? Se sim, sabe para que serve?

Bom, embora seja um tipo de carvão, o ativado – ou ativo, como também é conhecido – não é aquele que usamos para assar as carnes em um dia de churrasco.

Apesar de terem origem vegetal, ambos são oriundos de maneiras diferentes e, claro, funções diversas.

O carvão que utilizamos no churrasco é proveniente da combustão de diversos tipos de madeiras mais duras e resistentes, como a lenha.

Já o carvão ativado é oriundo de espécies diferentes de madeira, como a cortiça, e também pode ser obtido por meio de cascas de coco.

Todo o processo da queima, para chegar ao carvão ativado, acontece em meio às altas temperaturas que variam entre 800ºC e 1000ºC.

Sendo assim, esse material não é queimado totalmente e, com isso, não perde seu principal atributo: a porosidade.

Benefícios do carvão ativado

O fato de ser permeável faz com que o carvão ativado seja comparado com uma esponja e bem quisto por muitos setores da sociedade.

Isso porque os benefícios do carvão ativado são provenientes das seguintes propriedades:

  • Absorção de gases
  • Adsorção de substâncias tóxicas
  • Desintoxicação
  • Desodorização
  • Filtração

Dessa maneira, o material em questão é utilizado para fins domésticos. Nesse caso, o carvão ativado é capaz de promover uma limpeza profunda dos filtros de água.

Assim, melhora a qualidade dessa bebida que é tão imprescindível ao nosso viver.

Ele também pode ser usado na indústria já que consegue absorver componentes tóxicos e gases.

Ademais, o carvão ativado é bem importante no setor hospitalar visto que ajuda em casos de intoxicação alimentar e por drogas bem como em quadros de envenenamento.

De uns anos para cá, muitas empresas passaram a fabricar máscara com carvão ativado para tratar a pele.

Isso porque o carvão ativado no rosto é capaz de remover impurezas, reduzir o tamanho dos poros e o controle da oleosidade.

Entretanto, geralmente, como citamos anteriormente, tais produtos nem sempre são acessíveis economicamente.

Por isso, algumas pessoas recorrem fazer a própria máscara com carvão ativado e óleo de melaleuca.

Para que serve óleo de melaleuca?

Os óleos – essenciais ou vegetais – são substâncias extraídas de determinadas plantas. Sendo assim, o óleo de melaleuca não é uma exceção à essa regra.

No caso dele, a extração acontece de folhas e ramos da planta Melaleuca alternifólia, ilustrada acima. Esta, por sua vez, é conhecida por melaleuca, árvore do chá ou por tea tree.

A substância extraída é utilizada há milênios, principalmente, para fins medicinais e terapêuticos.

Isso porque o óleo de melaleuca tem propriedades bem importantes e eficazes à nossa saúde, tais quais:

  • Antissépticas
  • Antifúngicas
  • Antibacterianas
  • Anti-inflamatórias
  • Analgésicas
  • Antiespasmódica
  • Cicatrizante
  • Expectorante

Devido a esses efeitos, os benefícios do óleo de melaleuca correspondem, principalmente, a:

  • Cicatrizar e desinfetar feridas
  • Tratar fungos presentes nas unhas
  • Fortalecimento do sistema imunológico
  • Alivia dores
  • Ameniza sintomas de problemas respiratórios
  • Combate e previne o mau hálito, aftas e possíveis dores de garganta
  • Ajuda no tratamento da caspa
  • Acalma a coceira no couro cabeludo

Além desses, o óleo de melaleuca também pode ser utilizado para o tratamento de espinhas e cravos, porém, como é uma substância bem concentrada, a aplicação não deve ser direta na pele.

Mas, então, como usar óleo de melaleuca no rosto?

Como usar óleo de melaleuca com carvão ativado no rosto?

Tanto o óleo de melaleuca – ou tea tree – quanto o carvão ativado são boas alternativas para o tratamento da pele de forma caseira.

De acordo com o Blog Saboaria Artesanal Lucrativa, juntando os dois produtos, é possível fazer o próprio sabonete natural.

Para isso, você vai precisar de:

  • 144 gramas de óleo de oliva
  • 90 gramas de óleo de coco
  • 90 gramas de óleo de palma
  • 18 gramas de óleo de jojoba
  • 18 gramas de óleo de rícino
  • 11 gramas de óleo de melaleuca (também encontrado como tea tree)
  • 1 colher (chá) de carvão ativado
  • 18 gramas de lactato de sódio
  • 108 gramas de água
  • 51 gramas de soda cáustica

Agora, siga o seguinte passo a passo:

Passo a passo

  • Como a receita envolve soda cáustica, você precisa utilizar equipamentos de proteção
  • Ao se equipar corretamente, coloque a água fria em um balde e, aos poucos, despeje a soda cáustica e mexa-a bem para que ela se desmanche
  • Dissolva o carvão ativado em uma porção de óleo liquido e reserve
  • Junte todos os ingredientes citados até agora, a líxivia e os óleos, aos 40ºC
  • Mexa bastante para que aconteça a saponificação
  • Assim que a massa fique lisa e cremosa é sinal que o processo está concluído
  • Adicione o óleo de melaleuca (tea tree) e misture bem
  • Vire o sabonete nos moldes e pulverize álcool de cereais para que não forme manchas
  • Após isso, deixe secar por, pelo menos, 2 dias antes de desenformar
  • Assim que desmoldar, deixe o sabonete curar por 40 dias
  • Depois desse período, você já pode usá-lo

Obviamente, essa dica caseira não anula o fato de que, se você sofre com cravos e espinhas, precisa se consultar com um dermatologista. Então, procure por um e sane todas as suas dúvidas.

E aí, gostou do nosso artigo?

Você já sabia dos feitos do carvão ativado no rosto junto com o óleo de melaleuca?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *