Como fazer carvão ativado? É possível?

Facebook
WhatsApp
Twitter

Não é nenhuma novidade que o carvão ativado é um material potente e muito útil em nossa vida, né?

No entanto, nos últimos anos, essa utilidade ficou ainda mais evidente, pois o carvão ativado passou a ser utilizado nas famosas rotinas de skin care.

Dessa maneira, muitas empresas passaram a fabricar produtos cujo composto principal é o carvão ativado.

Entretanto, para algumas pessoas, a opção de comprar o material puro é válida. Já, para outras, a ideia de fazer o próprio carvão ativado parece interessante.

Mas será que, de fato, existe como fazer carvão ativado em casa?

É possível? Se sim, o que precisa para fabrica-lo? Quer saber mais? Acompanha a leitura com a gente!

Para que serve carvão ativado?

Diferentemente do que muitas pessoas acreditam e apesar de serem de origem vegetal, o carvão ativado é bem diferente do carvão tradicional que utilizamos para assar carnes nos famosos churras. Porém, qual é essa discrepância?

As principais diferenciações são em relação às funções de cada um e a proveniência. Isso porque enquanto o carvão convencional é originado da lenha.

Esta, por sua vez, é um tipo de madeira mais dura a ponto de, mesmo triturado, não consegue virar pó.

Já o carvão ativado – também conhecido como carvão ativo -, é oriundo da queima de determinados tipos de madeira, sendo estas a cortiça e lascas de madeira.

No mais, o carvão ativado também pode ser proveniente de cascas de coco.

Nesse processo de combustão, as temperaturas são extremamente elevadas. Para você ter uma ideia, a queima acontece entre os 800ºC e 1000ºC.

Dessa maneira, o carvão ativado não é queimado completamente e nem perde a porosidade.

Aliás, o fato do carvão ativado ter poros faz com que tal material seja permeável. Diante disso, algumas pessoas o comparam com uma esponja.

Sendo assim, ele apresenta propriedades que têm efeitos impressionantes, como:

  • Absorção de gases
  • Adsorção
  • Desintoxicação
  • Desodorização
  • Filtração

Por conta disso, o carvão ativado é usado em diversos ramos.

Por exemplo, para uso doméstico, o material em questão faz parte da estrutura dos filtros de água, pois consegue filtrar impurezas e melhorar a qualidade da bebida.

No mais, o carvão ativado é utilizado pela indústria alimentícia, especialmente nos sucos detox, bem como pelo ramo hospitalar para a desintoxicação alimentar ou melhorar e tratar quadros de overdose.

Além desses, como citamos anteriormente – no começo do texto -, o carvão ativado também passou a ser utilizado pelas empresas de cosméticos tanto para cuidados com a pele quanto para melhorar o aspecto capilar.

Como fazer carvão ativado em casa? É possível?

Por mais que as empresas tenham passado a fabricar produtos em que o carvão ativado se destaca, nem sempre o preço é tão acessível.

Dessa maneira, algumas pessoas preferem fazer o próprio material de forma caseira. Mas será que isso é possível?

Bom, não é impossível, porém, como explicamos anteriormente, o processo de combustão do carvão ativado acontece em temperaturas elevadas.

Então, para isso, você vai precisar de equipamentos e estrutura necessária para tal.

Supondo que você tenha, pode ser que o carvão ativado em pó, feito em sua casa, não tenha a mesma potência e eficiência quanto o comprado.

No entanto, caso você queira testar a feitura, com responsabilidade e instrumentos específicos bem como com equipamento de segurança, há a alternativa de fazer o carvão ativado em pó por meio das cascas de coco.

Passo a passo

Nesse caso, segundo o site eHow Brasil, você precisar seguir o seguinte passo a passo:

  • Coloque as cascas de coco em um local em que haja exposição solar direta durante uma semana. Ao secar, limpe as cascas para que as fibras, sujeitas e a parte comestível sejam removidas.
  • No fundo de uma churrasqueira, coloque areia para que sele qualquer tipo de abertura. Fazendo isso, coloque as cascas de coco na grade de churrasqueira e deixe assar por 4 a 6 horas em uma temperatura entre 315ºC e 540ºC.
  • Remova os carvões de casca de coco da churrasqueira e coloque-os em uma solução química formada por cloreto de sódio 25% (CaCl2) ou cloreto de zinco 25% (ZnCl2). Deixe os carvões mergulhados por um período de 12 a 24 horas.
  • Após esse tempo, remova-os e enxague-os com água destilada. Enxaguados, coloque os carvões de coco em uma frigideira e deixe-os secar por cerca de uma hora.
  • Esses carvões de coco seco deverão ir para uma frigideira e levados à um forno por aproximadamente 3 horas em uma temperatura a 110ºc.
  • Assim que fizer esse processo, tire os carvões de coco do forno e coloque-os em um saco plástico. Para tritura-los, utilize um martelo. No mais, coloque os pedaços esmagados em um liquidificador e pulverize-os até atingir uma consistência uniforme.
  • Após isso tudo, coloque seu carvão ativado em sacos plásticos seláveis para armazená-lo.

Onde comprar carvão ativado?

Como você pôde perceber, fazer carvão ativado em pó de forma caseira, além de levar tempo, demanda gasto de dinheiro para comprar os materiais necessários, caso você não os tenha em casa.

Sendo assim, nem sempre é vantajoso optar pela feitura em casa já que os resultados podem não ser os esperados.

Para garantir efeitos mais satisfatórios, a melhor opção é comprar o material em questão feito.

Nesse caso, você pode encontra-lo em determinadas farmácias na cidade que mora, em lojas que vendem produtos veterinários ou em franquias grandes e conhecidas que estão espalhadas pelo Brasil.

Já o preço depende da quantidade que você queira comprar, mas, normalmente, é um custo benefício bem aceitável.

E aí, gostou do nosso post?

Você sabia que dá para fazer carvão ativado em pó em casa?

FRETE GRÁTIS PARA TODO BRASIL

BIOLENA

Suplemento Carvão Ativado - Horbaach, 780mg, 180 Cápsulas
R$169,99
COMPRAR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *